ALARME E DETECÇÃO DE INCÊNDIO

BARRA VELHA E REGIÃO

•SOBRE

      A Instalação de sistemas de detecção e alarme de incêndio deve conter todos os elementos necessários ao seu completo funcionamento, de forma a garantir a detecção de um princípio de incêndio, no menor tempo possível.

     Com base nos dados levantados na fase de planejamento, devem ser definidos o tipo de sistema de detecção e o tipo de detector apropriado para cada ambiente a ser protegido, levando-se em consideração a sensibilidade do detector e o tempo de resposta do sistema.

     Deve ser elaborado um memorial descritivo, descrevendo claramente as premissas de detecção, arquitetura do sistema, interfaces com outros sistemas, lógica de funcionamento e ações a serem tomadas para cada evento do sistema. Este documento é o resultado de toda a fase de planejamento e a base para a seleção dos componentes do sistema de detecção e alarme de incêndio.

Fire.png

•TIPOS DE SISTEMAS DE DETECÇÃO

•Sistema de detecção convencional:

    Sistema composto por um ou mais circuitos de detecção. Cada circuito de detecção é instalado em uma determinada zona ou área protegida. Quando atuado um dispositivo de detecção, a central identifica somente a área protegida pelo circuito de detecção onde o dispositivo está instalado. Este sistema não permite o ajuste do nível de alarme dos dispositivos de detecção via central de alarme.

•Sistema de detecção endereçável:

    Sistema composto por um ou mais circuitos de detecção. Cada dispositivo de detecção recebe um endereço que permite à central identificá-lo individualmente. Quando atuado um dispositivo de detecção, a central identifica a área protegida e o dispositivo em alarme. Este sistema não permite o ajuste do nível de alarme dos dispositivos de detecção via central.

•Sistema de detecção analógico:

   Sistema de detecção endereçável no qual a central monitora continuamente os valores (temperatura e fumaça) dos dispositivos de detecção, comparando-os com os previamente definidos para aquela instalação e permite o ajuste do nível de alarme dos dispositivos de detecção via central.

•Sistema de detecção algorítmico:

      Sistema de detecção analógico no qual os detectores possuem um ou mais critérios de avaliação de medições do ambiente em função do tempo, cujos sinais são comparados por um circuito de lógica pré-programada para ativar o alarme. Os detectores monitoram continuamente os valores de seus elementos sensores (por exemplo, temperatura, fumaça), são capazes de realizar tomadas de decisões e de se comunicar com a central, informando seu estado de alarme, pré-alarme e/ou falha, entre outros.

alarm systens.jpg

•MANUTENÇÕES

      As manutenções preventivas e corretivas dos sistemas de detecção e alarme de incêndios deve ser realizadas por técnicos habilitados e treinados.  Após cada manutenção, o executante deve apresentar relatório de manutenção assinado, citando as condições de funcionamento do sistema, registrando data, hora do serviço e período de garantia dos serviços executados.

     A manutenção preventiva deve garantir que o sistema de detecção e alarme de incêndio esteja em pleno funcionamento, ou registrar no relatório as suas restrições ou falhas. Neste último caso recomenda-se que as correções necessárias sejam executadas de imediato. Após qualquer alteração do projeto ou correção das falhas, uma nova verificação deve ser efetuada no funcionamento do sistema e emitir relatório atestando o perfeito funcionamento.

•LAUDO DE ALARME DE INCÊNDIO

•NORMAS REGULAMENTADORAS

    As Normas regulamentadoras do Sistema de Alarme e Detecção de Incêndio, normalmente são as seguintes:

-Normas do Corpo de Bombeiros;

-NBR 17240 - Sistemas de detecção e alarme de incêndio – Projeto, instalação, comissionamento e manutenção de sistemas de detecção e alarme de incêndio – Requisitos;

-ISO 7240-7 - Fire detection and alarm systems;

-NFPA 72 - National Fire Alarm and Signaling Code.

•ENTRE EM CONTATO

     Para mais informações e/ou orçamentos, entre em contato conosco, temos a melhor solução para você e sua empresa em Instalações, Manutenções e Laudos do Sistema de Alarme e Detecção de Incêndio.

Atendimento pelo número +55  (47) 9.9929-9050.

      Na Conclusão das Instalações do Sistema de Alarme e Detecção de Incêndio deve ser elaborado uma laudo técnico do sistema, com o respectivo TRT - Termo de Responsabilidade Técnica (antiga ART) do Técnico responsável pela instalação.

     Em toda inspeção ou vistoria da rede de combate ao incêndio por alarme e detecção de incêndio deve ser analisado itens como resistência, peças/conexões vencidas, funcionamento da central de alarme de incêndio, teste de medição sonora do sistema para verificação dos níveis de pressão sonora, a qual deve estar de acordo com o PPCI - Projeto de Prevenção e Combate ao Incêndio do Sistema de Alarme e Detecção de Incêndio. 

    No Laudo Técnico deverá ser fornecida todas as informações, inclusive sobre a condutividade e manutenções realizadas no SADI - Sistema de Alarme e Detecção de Fumaça, em seguida deverá ser entregue ao órgão fiscalizador, normalmente Corpo de Bombeiros, sendo que a outra via deverá ficar com o contratante.

laudo_de_sistema_de_alarme_de_incêndio.

•Atendemos Barra Velha e região.

Aplicação em fundo preto.png
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

+55 (47) 9.9929-9050

   Atendemos todo  Brasil , SC-  Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí, Itapema, Navegantes, Barra Velha, Florianópolis, Palhoça, São José, Biguaçu, Criciúma, Joinville, Balneário Piçarras, Chapecó, Blumenau, Brusque, Gaspar, Indaial, Pomerode, Timbó, Caçador, Curitibanos, Tijucas, São Francisco do Sul, Araquari, Jaraguá do Sul, Schroeder, Guaramirim, Bombinhas, Porto Belo, Itapoá, Lajes, Mafra, São Bento do Sul, Rio do Sul, Canoinhas, Nova Trento, Urubici, Erechim, Pato Branco, Laguna, Tubarão, Rodeio, PR - Paranaguá, Guaratuba, Matinhos, Curitiba, São José dos Pinhais, Araucária, Ponta Grossa, Guarapuava, Maringá, Londrina, Almirante Tamandaré, Pinhais, Lapa, São Paulo, Guarulhos, Guaíba, São Mateus do Sul, Siderópolis, Governador Celso Ramos, Canelinha, São João Batista, Cocal do Sul, Urussanga, Corupá, Anitápolis, Braço do Norte, Botuverá,, Porto União, União da Vitória, Gramado, Canela, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Porto Alegre, Esteio, Bento Gonçalves, São Francisco de Paula, Lajeado, Garibaldi, Passo Fundo e todas as regiões.